Hormônio em frango?

Com o passar dos anos, o desenvolvimento e crescimento dos frangos tornou-se cada vez mais acelerado. Contudo, surgiram dúvidas sobre como seria a criação desses animais, com isso, muitas pessoas acreditaram que a utilização de hormônios nas aves era a resposta de todas as perguntas, no entendo, isso não passa de um MITO, o qual não possui nenhum tipo de fundamento.


Motivos pelos quais não há aplicação de hormônio na criação de aves:

1.O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) proíbe qualquer tipo de substância que estimula o crescimento na criação das aves, e além disso, caso tal hormônio fosse aplicado não teria tempo de fazer efeito, pois os mesmos demoram cerca de 60 a 90 dias para fazer efeito, as aves crescem muito rápido, dentre 42 e 50 dias já estão prontas para o abate.

2.O hormônio é uma molécula de proteína, se o mesmo fosse ingerido pelas aves sofreriam a digestão, onde com as ações das enzimas seriam quebrados, consequentemente não teria nenhum efeito. Com isso não seria viável adicionar qualquer substância que estimulasse o crescimento das aves nas rações.

3.Caso a decisão fosse injetar os hormônios nas aves, teriam que ser todos os dias e um animal por vez, porém o manejo em granjas não é tão simples, algumas chegam a ter cerca de 50 mil animais, não seria possível separar e injetar em cada ave todos os dias qualquer estimulante.


A pergunta que não quer calar é, como que antigamente os frangos demoravam meses para ficar com um quilo e agora eles chegam em três perto de 40 dias?

A resposta é bem simples, tecnologia. Existe uma seleção genética, nutrição balanceada, um ambiente onde é tudo controlado visando o bem estar do animal.

A ração das aves é simples, composta basicamente por milho (energia) e farelo de soja (proteína). O que pode ser adicionar é restrito e determinado pelo MAPA, por exemplo suplementos, aminoácidos, vitaminas e minerais.


O Brasil é um dos países que mais exporta o produto no mundo, para cerca de 160, tendo assim uma altíssima e rigorosa qualidade.




4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo